Carregando...
Agência Digital 360º
Blog | Duo Studio Interativo

Copywriting: como usar a favor das suas vendas

09 / outubro / 2020
Ana Paula Rossi | Duo Studio Interativo

por Ana Paula Rossi

Copywriting

Redes sociais

Ter um bom produto ou serviço e um atendimento de qualidade, pode, muitas vezes, não ser o suficiente para atrair novos clientes e manter aqueles que já são “da casa”, não é mesmo? Claro que é meio caminho andado, mas e o resto desse caminho? O que fazer para convencer os potenciais clientes a comprar com você?

 

O 360mais1 de hoje, vai apresentar uma alternativa muito utilizada no marketing, que costuma render a captação de novos clientes, atrair o leitor de seu blog nas ações que você cria e conquistar boas vendas para o seu negócio. Ainda não descobriu do que estamos falando? Estamos falando do Copywriting.

 

Acompanhe esse artigo e conheça tudo sobre o Copywriting e, ao final, descubra se está convencido que é essa técnica que falta no seu negócio.

 

O que é Copywriting?

 

Copywriting é uma técnica de redação muito utilizada no marketing, é uma estratégia pensada para convencer a persona a realizar alguma ação e, consequentemente, gerar conversões e vendas. O Copywriting pode ser ainda definido como uma comunicação persuasiva.

 

Falando de forma prática, o Copywriting é ideal para estratégias que visam atração de clientes, como o Inbound marketing, onde a relação da marca com o cliente é um longo processo de persuasão.

 

O CTA (Call To Action) é um dos principais componentes de um copy, pois é essa chamada que vai convencer ou não, a persona a se inscrever em um curso, assinar uma newsletter, baixar um material, acessar o texto do blog, entre muitas outras ações. Um copy bem feito, conduz a persona em seu blog ou e-mail, orienta qual deve ser o trajeto percorrido por ela em seu material.

 

Muitas vezes, o Copywriter não tem como objetivo a venda de forma imediata e, desta forma, produzem um copy que prolonga o relacionamento com a persona e estenda a experiência de cada uma delas, de acordo com a etapa do funil que ela se encontra.

 

E a história?

 

Não podemos deixar de lado a história, não é mesmo? Para você ter uma ideia de quanto o Copywriting é uma técnica antiga, apresentamos John Emory Powers, o primeiro Copywriter da história, que nasceu em Nova York, e por volta de 1870, o publicitário se tornou o pioneiro em escrever textos persuasivos para anúncios.

 

Tipos de Copywriting

 

Copywriting de conversão

 

Muito usado nas peças publicitárias, textos de vendas e páginas de captura e tem como objetivo fazer com que a persona tome uma ação.

 

Copywriting de conteúdo

 

É utilizado geralmente em blog posts, artigos, e-books e é estruturado para informar, educar e engajar a persona.

 

A escrita persuasiva

 

A persuasão é a alma do Copywriting, mas como fazer isso com excelência e de forma assertiva? Confira os 6 gatilhos mentais estabelecidos por Robert Cialdini, que foram descritos em seu livro “As Armas da Persuasão” e aplique agora mesmo em seus materiais.

 

Reciprocidade 

 

Utilize um copy que oferece algo para sua persona, um presente, um bônus, isso irá gerar um senso de obrigação por recompensa,

ofereça algo personalizado, no caso do marketing de conteúdo, os materiais ricos são ideais.

 

Exemplo: “Agora que você já sabe mais sobre investimentos, baixe o guia do Investidor e torne-se um especialista no assunto”.

 

Compromisso e coerência

 

Sua marca deve ter compromisso com o cliente, por isso, é fundamental que eles sejam mantidos e reforçados, sendo assim, um bom copy deve apresentar apenas informações verdadeiras e também deve sempre cumprir com o que promete.

 

Exemplo: “Confira 10 maneiras para economizar na manutenção do seu carro”.

 

Aprovação social

 

Sabemos o poder que as pessoas têm de influenciar as demais. Por isso, utilizar a própria fala dos clientes, como depoimentos, cases de sucesso, comentários e números, ajudam a aumentar a credibilidade do seu material e validam ofertas e estimulam uma ação.

 

Exemplo: "Faça parte do grupo de 500 pessoas que já adquiriram sua vaga no curso online".

 

Afeição

 

É uma boa técnica, pois é natural que tenhamos mais afeição por quem conhece nossas dores e saiba o que queremos, por isso faça com que as pessoas se identifiquem com seu copy.

 

Exemplo: "Assim como você, nós, sabemos o quanto a queda de cabelo prejudica a autoestima da mulher, por isso, baixe nosso e-book e confira dicas preciosas para acabar com isso".

 

Autoridade

 

Crie um copy que transmita credibilidade e confiança a sua marca, utilizar o nome de instituições que são reconhecidas, pessoas, públicas, especialistas costumam funcionar.

 

Exemplo: “Conheça o método utilizado pelo Hospital Albert Einstein, referência no assunto”.

 

Escassez

 

Tem como objetivo gerar o desejo de algo que está acabando, que tem poucas vagas, que tem um prazo máximo.

 

Exemplo: “As vagas para o curso estão acabando! Corra e inscreva-se”.

 

27 dicas para a construção de um bom copywriting:

 

1) Evite frases prontas e clichês;

2) Aposte em verbos de ação, no imperativo em títulos, intertítulos e CTA: acesse, compre, clique...;

3) Não generalize;

4) Pense em uma comunicação personalizada;

5) Conheça a fundo sua persona;

6) Ofereça algo “a mais” para o seu leitor;

7) Garanta que seu conteúdo seja único e relevante;

8) Facilite e dê ritmo à leitura;

9) Evite repetir palavras;

10) Não use palavras muito difíceis ou longas;

11) Use metáforas e exemplos;

12) Defina o tom e a linguagem de seus conteúdos;

13) Invista muita criatividade no título;

14) Cative o leitor;

15) Conte uma história convincente;

16) Nunca copie um copy;

17) Busque por referências, a fim de ampliar sua criatividade;

18) Relacione o copy à atualidade;

19) Faça o Lead concordar com o que você está dizendo;

20) Utilize frases que sejam emotivas;

21) Comunique de forma clara;

22) Não exagere nos benefícios do produto ou serviço;

23) Não escreva parágrafos grandes demais, nem pequenos demais;

24) Não duvide da inteligência da persona;

25) Apresente dados reais;

26) Não aplique muitos gatilhos mentais;

27) Tenha atenção com os erros gramaticais.

 

Então, que tal começar a utilizar o Copywriting em suas estratégias de marketing? Temos certeza que o seu negócio terá resultados muito positivos, seja de conversão de leads ou até mesmo de venda.

 

E para ter resultados ainda melhores com a aplicação e a produção do copy, conte com a Duo Studio, uma agência 360 de marketing digital que é referência no mercado e está preparada para desenvolver as melhores soluções digitais para seu negócio.

 

Agende uma reunião com a gente e faça da sua marca, uma parceira da Duo!


news relacionadas