Carregando...
Agência Digital 360º
Blog | Duo Studio Interativo

Batalha do engajamento no Instagram: curtidas x salvamentos

15 / setembro / 2020
Alana Fernandes | Duo Studio Interativo

por Alana Fernandes

Redes sociais

Quem nunca ficou chateado por receber poucas curtidas em um post cheio de conteúdo que atire a primeira pedra. Mas será que os likes refletem, de fato, o engajamento da sua conta? Você já analisou como andam os salvamentos e compartilhamentos? Spoiler: eles podem ser mais relevantes do que você pensa!

 

Você passou horas pensando em um conteúdo bacana, cheio de informações, que tem tudo a ver com o seu público do Instagram. Depois, investiu tempo em uma arte de qualidade e, finalmente, publicou no Feed de Notícias. Tinha tudo para bombar, né? Mas não bombou! O post maravilhoso rendeu algumas míseras curtidas.  Se você ficou desapontado, temos uma boa notícia: as curtidas não são tão importantes assim quando o assunto é engajamento no Instagram. Quer saber o porquê? Acompanhe nosso artigo!

 

Primeiro devemos relembrar que, em julho de 2019, a plataforma passou a esconder o número total de likes das publicações. Antes, qualquer pessoa cadastrada na rede tinha acesso ao número de curtidas em um post. Desde então, os dados ficam disponíveis apenas para o proprietário da conta. Segundo a empresa, a mudança ocorreu para tornar a rede social menos tóxica, já que a batalha por likes acabava refletindo na saúde mental dos usuários. Afinal, quem nunca ficou chateado porque uma selfie linda recebeu poucas curtidas?

 

Curtidas x salvamentos

 

Você já deve ter ouvido falar que curtidas não pagam boletos. E é real. Curtidas são ótimas, mas elas, por si só, não são métricas tão confiáveis assim. Muitas vezes quem curtiu o seu post nem se deu conta do conteúdo que você passou horas produzindo. Apenas curtiu no modo automático, por achar a imagem bonita ou por simpatizar com a sua conta. 

 

Atente-se, então, para as outras opções de interação do seu post como compartilhamento e salvamento. O compartilhamento é aquele símbolo que lembra um aviãozinho. Já a opção salvar parece uma casinha. Todos eles ficam posicionados logo abaixo da publicação. 

 

Ao usar o compartilhamento, enviando para outros amigos, o Instagram entende que o seu conteúdo é bastante relevante, porque você se preocupou em mandá-lo para outros usuários. Quase o mesmo ocorre com o salvamento. A ferramenta entende que a publicação tem muito valor pois as pessoas resolveram salvá-la para ver futuramente. Ninguém irá salvar um conteúdo que não agrega em nada, não é mesmo? 

 

Outra informação importante quanto ao botão salvar é que, ao que se sabe, é uma das interações que ainda não são feitas por robôs. Ou seja, somente usuários reais – leia-se de carne e osso – irão salvar seus posts. É uma prova que seu conteúdo impactou, de fato, as pessoas. Foi tão relevante que, além de curtir ou comentar, as pessoas salvaram para aproveitar em outro momento. 

 

Com mais salvamentos, a ferramenta te dá mais chances de o seu conteúdo ser entregue para mais usuários – aumentando seu alcance – e mais possibilidade de o post aparecer na aba “explorar”.  

 

Como melhorar seu engajamento

 

Hoje, as pessoas passam muito tempo do seu dia conectadas às redes sociais, seja apenas para entretenimento ou para consumir conteúdo. Então, os perfis comerciais devem estar atentos aos interesses do seu público e o que ele mais “consome” na plataforma. Confira algumas dicas de como melhorar o seu engajamento:

 

Reveja seus posts: aqui, a dica é revisar seus posts. Analise quais tiveram mais interações, com comentários, compartilhamentos e salvamentos. A ideia não é postá-los novamente, mas, sim, observar o conteúdo, a linguagem usada etc. Enfim, a fórmula que deu certo e que pode ser replicada em materiais futuros. 

 

Invista em boas imagens: o ditado que imagens valem mais que mil palavras pode ser aplicado aqui. O Instagram, na sua essência, é uma rede social de imagens – apesar de que atualmente tenha muito mais recursos que isso. Impacte visualmente o usuário com fotos ou artes de boa qualidade e que tenham a ver com o seu nicho. 

 

Incentive a interação e interaja: interaja com o seu público respondendo aos directs e aos comentários. Vale também incentivar a participação com as chamadas Call to Action (chamada para ação). As CTAs são aqueles convites como “marque um amigo” ou “salve esse post”. 

 

Use todas as possibilidades da rede – não adianta somente postar no Feed e esquecer dos stories, por exemplo. Mais recentemente, o Instagram criou o Reels, uma função para vídeos curtos e criativos e que compete com o TikTok. Há também as lives, que são os vídeos ao vivo. O interessante é usar todas as possibilidades, com conteúdos que agreguem ao seu público - mas, claro, com cuidado, sem bombardear seu seguidor.  

 

Entendeu melhor como funciona o engajamento do Instagram? Caso não, a gente pode te ajudar a produzir aquele conteúdo bacana e digno de curtidas e (muitos) salvamentos. Entre em contato agora mesmo!

 

Chama a gente, queremos te ajudar!